domingo, 30 de agosto de 2009

Gelatina ao Creme com Morangos


Ingredientes:
  • 2 caixas de gelatina sabor morango
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de creme de leite
  • 1 e 1/2 latas de leite (use a medida do leite condensado)
  • 2 colheres (sopa) de maizena
  • 1 caixa de morangos cortados ao meio (limpos e sem folhas)

Modo de Preparo:
  • Dissolva a gelatina conforme as instruções da embalagem.
  • Reserve.
  • Em uma panela coloque o leite condensado, o creme de leite e metade do leite.
  • Mexa sem parar em fogo brando.
  • Misture a maizena no restante do leite e acrescente ao creme.
  • Mexa até ficar um creme consistente.
  • Deixe esfriar.
  • Em um refratário de vidro, espalhe o creme e coloque os morangos cortados ao meio, por cima.
  • Com uma colher coloque a gelatina por cima dos morangos.
  • Leve para gelar por aproximadamente 3 horas.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Pudim de Doce de Leite


Ingredientes:

Leite

Laranja
Essência de baunilha
Doce de leite
Ovos
Gemas
Açúcar


500 ml

1 casca
1 colher (chá)
200 g
4
3
250 g







Modo de Preparo:
  • Coloque o leite em uma panela, acrescente a casca de laranja e a baunilha. Leve a mistura ao fogo. Esquente um pouco e depois deixe esfriar.
  • Passe o leite pela peneira e acrescente o doce de leite.
  • Adicione os ovos inteiros e as gemas.
  • Com o açúcar faça uma calda caramelada em forminhas de pudim, deixe esfriar e despeje a mistura em cada uma.
  • Cozinhe no forno a 150°C em banho-maria durante uma hora. Retire e deixe esfriar completamente antes de desenformar.
Dicas:
  • Respeite a temperatura indicada porque os pudins devem cozinhar lentamente.
  • O pudim precisa esfriar completamente dentro da fôrma para ficar consistente.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Açafrão e Canela


Benefícios da Canela

A história dessa casca de árvore aromática, que era moeda de troca entre o Oriente e a Europa, tem origem no antigo Egito. A melhor variedade é a canela do Ceilão (hoje Sri Lanka) que é cultivada em todo o mundo. Segundo o médico Perricone, essa especiaria atua no corpo da seguinte forma:

- Ajuda a aumentar a capacidade das células para utilizar a glicose - assim pode normalizar o nível de açúcar no sangue. Menos da metade de uma colher (chá) de canela por dia diminui em 20% o nível de açúcar no sangue, reduz entre 7% e 27% o colesterol e baixa os triglicérides entre 23% e 30%. O hábito de mexer o chá com pau de canela já ajuda.

- Os óleos essenciais de canela ajudam a impedir o crescimento de bactérias e fungos, como o Candida albicans, que provoca a candidíase.

- Até o perfume da canela proporciona benefícios: melhora o processamento cognitivo do cérebro, estimulando a atenção, a memória e a agilidade visual e motora. Por isso, velas e aromatizantes de canela em casa são recomendadas.

- Mães e avós insistem no chazinho com canela quando os filhos estão gripados. Essa sabedoria popular vem da medicina tradicional chinesa, que valoriza a especiaria por sua capacidade de aquecer, por isso é usada para aliviar os sintomas de gripes e resfriados. Quando sentir uma infecção se aproximando, aceite o conselho da avó: tome um chá com casca de canela e gengibre fresco.

Benefícios do Açafrão

Pertencente à família do gengibre, o açafrão vem sendo usado ao longo da história, na Índia, como remédio popular, corante e tempero. O que não se sabia é que sua raiz de forte tonalidade laranja contém curcuminóides, parentes próximos dos polifenóis (aquelas substâncias encontradas na uva, chocolate, gengibre e chá verde). Ou seja, a especiaria também pode ser considerada uma fonte de antioxidantes poderosos contra o câncer e doenças cardiovasculares.

Outra substância, a curcumina, também é encontrada no açafrão e traz benefícios à saúde, segundo o médico. Ela constitui apenas 3% a 5% do açafrão, mas esse pouquinho já representa um grande impacto positivo à saúde.

O curry, uma mistura de temperos indianos, é outra fonte de açafrão, mas, de acordo com o especialista, desde que seja de uma fonte confiável. "Procure um bom curry em pó orgânico, em que o açafrão esteja listado como o primeiro ou o segundo ingrediente", recomenda. Mercados indianos ou lojas de alimentos naturais também são opções para encontrar um bom curry.

Confira, a seguir, os benefícios do açafrão:

- Atua na prevenção da doença de Alzheimer.

- Interfere nos estágios da formação do câncer, ou seja desde o início até a progressão no organismo.

- Apresenta-se como poderoso antioxidante e antiinflamatório.

- Protege o fígado.

- Amplia os benefícios terapêuticos quando usada em conjunto com peixes de águas geladas ou óleo de peixe (ricos em ácidos graxos essenciais ômega-3).


Frango ao Curry

Ingredientes:

2 colheres (sopa) de óleo de canola

1 cebola média fatiada
3 colheres (sopa) de gengibre sem casca amassado
2 dentes de alho amassados
1 kg de peito de frango sem osso e sem pele
½ pimentão vermelho cortado em fatias finas
3 xícaras de leite de coco
2 xícaras de caldo de galinha orgânico
1 xícara de ervilhas cozidas
2 folhas de louro
2 colheres (sopa) de açafrão
2 colheres (sopa) de curry em pó
½ colher (chá) de canela
2 colheres (sopa) de suco de lima
Molho de tomate picante a gosto
½ xícara de coentro picado

Modo de preparo:
Em uma panela grande, refogue ligeiramente a cebola, o gengibre e o alho em óleo de canola, por cerca de 4 minutos. Corte o frango em cubos de 5 cm e adicione à panela, com a pimenta. Deixe cozinhar por 2 minutos e acrescente o leite de coco, o caldo, as ervilhas, as folhas de louro, o açafrão, o curry em pó, a canela, o suco de lima e o molho de tomate picante. Cozinhe em fogo brando por 30 minutos. Em seguida, misture o coentro.

Tempo de preparo:15 minutos
Rendimento: 4 a 6 porções

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Bolo na Caneca


Ingredientes:
  • 1 ovo pequeno
  • 4 colheres (sopa) de leite ou 4 colheres de creme de leite (também fica uma delícia)
  • 3 colheres (sopa) de óleo
  • 2 colheres (sopa) rasas de chocolate em pó
  • 4 colheres (sopa) rasas de açúcar
  • 4 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo
  • 1 colher (café) rasa de fermento em pó

Modo de Preparo:

1

Coloque o ovo na caneca e bata bem com o garfo.

2

Acrescente o óleo, o açúcar, o leite ou creme de leite, o chocolate e bata mais.

3

Acrescente a farinha e o fermento e mexa delicadamente até incorporar.

4

Leve por 3 minutos no microondas na potência máxima.

Dicas

  • A caneca deve ter capacidade de 300ml.
  • A medida de colher é sempre rasa.
  • Você pode servir este bolo com coberturas, caldas, castanhas e sorvete.
  • E pode comer quente.
  • Coloque um pratinho embaixo da caneca para não sujar o microondas, caso derrame.
  • Não acrescente mais farinha, endurece o bolo!

Aula de Culinária


VIVA!!

Berinjela

Deliciosas receitas preparadas
com o legume originário da Índia

Berinjela é um legume que contém pequenas quantidades de vitamina B5 e sais minerais como Cálcio, Fósforo e Ferro. A Niacina (vitamina B5) protege a pele e ajuda a regularização do sistema nervoso e aparelho digestivo. Os minerais Cálcio, Fósforo e Ferro contribuem para a formação dos ossos e dentes, construção muscular e coagulação do sangue.

Poucas pessoas sabem, contudo, que ela é um vegetal com poder de diminuir o colesterol e reduzir a ação das gorduras sobre o fígado. Seu suco é utilizado nas inflamações dos rins, bexiga e uretra como poderoso diurético. A berinjela é muito recomendada para quem sofre de artrite, gota, reumatismo, diabetes e inflamações da pele em geral. Como tem poder laxante, aconselha-se nas indigestões e prisão de ventre.

Na hora da compra, deve-se dar preferência às que se apresentam firmes, de cor roxa uniforme e lustrosa. As berinjelas devem ser guardadas em geladeira, dentro de sacos plásticos, assim se conservam em bom estado por 2 semanas.

Berinjela à Parmegiana Light

Ingredientes
4 berinjelas médias
4 colheres (sopa) de azeite de oliva
2 dentes de alho amassados
4 tomates médios, sem pele e sem sementes, em cubos pequenos
1 colher (café) de açúcar
2 colheres (sopa) de manjericão picado
300 g de mussarela fatiada
sal a gosto
folhas de manjericão para decorar

Modo de Preparo
Lave a berinjela, corte-as em rodelas de 2 cm de espessura e coloque-as em um escorredor. Salpique 2 colheres (chá) de sal e deixe durante 20 minutos para perder o líquido. Coloque as berinjelas em uma panela com água fervente e deixe por 10 minutos, ou até ficarem macias. Retire e coloque-as em um refratário untado com a metade do azeite. Reserve. Aqueça o azeite restante em uma panela, adicione o alho e deixe dourar. Acrescente os tomates, o açúcar, o manjericão e o sal. Refogue rapidamente, mexendo com cuidado. Ligue o forno à temperatura média. Cubra as fatias de berinjela com a mussarela e distribua por cima o refogado de tomate. Leve ao forno médio por 30 minutos, ou até derreter a mussarela.

Rendimento: 8 porções

Berinjela No Papilote

Ingredientes
2 berinjelas pequenas com a casca cortadas em cubos
2 abobrinhas italianas com a casca cortados em cubos
4 tomates sem pele e sem semente cortados em cubos
4 col. (sobremesa) de azeite virgem
1 col. (sopa) de castanha-do-pará picada
1 pitada de alecrim desidratado
100 g de queijo meia cura ralado
4 pedaços (30 x 30 cm) de papel-alumínio

Modo de Preparo
Distribua os ingredientes nos pedaços de alumínio. Feche os papillotes, coloque-os numa assadeira e leve ao forno médio por cerca de 25 minutos.

Rendimento: 4 porções

Lasanha de berinjela com cottage

Ingredientes:
2 berinjelas médias cortadas em tiras finas
1 dente de alho amassado
1 cebola média picada
4 tomates médios picados em cubos pequenos
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
3 colheres (sopa) de manjericão picado
1 e 1/2 xícara (chá) de queijo cottage
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
sal e noz-moscada moída a gosto

Modo de Preparo:
Ligue o forno à temperatura média. Cozinhe as fatias de berinjela no vapor até ficarem al dente. Reserve a berinjela sobre um pano seco. Numa frigideira, refogue o alho, a cebola e os tomates em 1 colher (sopa) de azeite de oliva. Acrescente o manjericão, misture com cuidado e acerte o sal. Retire do fogo. Unte uma assadeira refratária (30 cm x 20 cm) com 1 colher (sopa) de azeite de oliva e monte camadas alternadas de berinjela, queijo cottage e o refogado de tomate. Por fim, polvilhe o parmesão misturado com a noz-moscada e regue com o azeite de oliva restante. Leve ao forno por 35 minutos, ou até a superfície dourar. Retire do forno e sirva quente ou fria.

Rendimento: 8 porções

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Flores Comestíveis


Existem diversas flores que frequentam a nossa mesa normalmente: o brócolis, a couve-flor e a alcachofra são bons exemplos. As flores de abóbora - chamada em algumas regiões de "cambuquira" - também são muito usadas na culinária. Acontece que essas flores não são utilizadas para fins ornamentais e, por isso, não ficaram tão famosas como "flores comestíveis". Dentre as ornamentais que são consideradas comestíveis, destacam-se a capuchinha, rosas, begônias, calêndula, amor-perfeito e violetas. O importante aqui é ficar claro que as flores utilizadas na alimentação não são essas vendidas em floriculturas ou gardens centers, pois são tratadas com produtos químicos que podem trazer sérios danos para a saúde. Flores comestíveis devem ser adquiridas de produtores especializados, que não utilizam qualquer tipo de agrotóxico ou tratamento químico em seu cultivo.

Capuchinha
Você pode encontrar essa florzinha com diferentes nomes por aí: capuzin, capuchinho, capucin, chaguinha, capucinha e até nastúrcio. Para não errar, observe a denominação científica, Tropaeolum majus. Suas tonalidades variam do amarelo ao vermelho e o sabor é apimentado. Lembra um pouco o agrião ou a mostarda – só que mais picante -, por isso é muito usada em saladas e também combina com carnes e massas.


Borago
Por ser azul arroxeada e delicada, costuma ser usada na finalização das receitas. “Eu utilizo a borago em vários pratos.”, diz Helena Rizzo, do contemporâneo Maní. “Um deles é o aspic de pepino – tipo de gelatina salgada - com pimenta-cambuci e sorbet de lichia. Para mim, tem um leve sabor marinho, lembra muito o marisco, e combina com a refrescância do pepino.”

Consumida em maiores quantidades (mais de 30 florzinhas), a borago estimula a produção de adrenalina. Funciona como um tônico energizante. Com o passar do tempo, suas pétalas perdem o azul e ficam cor-de-rosa. Pode ser empregada no preparo de bebidas, sopas e molhos.


Calêndula
Parecida com a margarida, essa flor de pétalas amarelas
é muito conhecida por seu uso em cosméticos e pomadas. De fato é um excelente cicatrizante e é indicado para reter a oleosidade da pele. Na cozinha, pode substituir o açafrão – é conhecida como “açafrão dos pobres”, mas para ter efeito deve ser usada em grande quantidade. Em uma receita que leva oito gramas de açafrão em pó são necessárias oito flores frescas ou 15 flores secas. Combina com sopas e molhos para peixes.

Rosa
Na teoria, todas são comestíveis, no entanto as mais usadas na culinária são a rosa-canina e a minirrosa. Suas pétalas não têm sabor algum e só servem para a decoração de pratos. Para que as receitas incorporem sabor de rosa é preciso usar o óleo essencial da flor, o xarope ou a água aromatizada.
Aparece em vários doces da cozinha árabe, mas se ajusta também a carnes leves, como as aves. “Mais de 90% dos perfumes femininos levam rosa em sua composição porque ela tem o poder de harmonizar os outros aromas, o mesmo acontece na culinária em relação aos sabores.”, explica André Genesini, professor de gastronomia do Centro Universitário Senac.

Salada Primavera

Salada feita com flores comestíveis

Ingredientes:

Preparo:

Em uma tigela, bata com uma espátula o vinagre branco, o azeite, as ervas finas, o limão e tempere com sal. Em seguida, em um prato gelado, coloque a mistura de molho, as rodelas de tomate caqui nas pontas do prato, alface roxa, alface crespa. Intercale as barcas de endívia, alface lisa, alface romana, as folhas de rúcula, alface frisée, as tiras de erva-doce e rodelas de palmito. Finalize com pétalas de flores comestíveis e os croutons. Entre uma alface e outra, coloque o molho.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Bolo Chips de Chocolate da Ana Maria

Ingredientes:
  • 1 pacote de mistura para bolo (chocolate)
  • 1 ovo
  • 2 colheres (sopa) de margarina
  • 100 g de coco ralado seco
  • 200 g de chocolate ao leite picado
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 ovo

Modo de Preparo:

  1. Numa tigela coloque 1 pacote de mistura para bolo (sabor chocolate), 1 ovo e 2 colheres (sopa) de margarina
  2. Misture bem com as mãos até formar uma massa homogênea
  3. Numa fôrma canelada (24 cm de diâmetro) forre o fundo e lateral com a massa
  4. Reserve
  5. Numa outra tigela coloque 100 g de coco ralado seco, 200 g de chocolate ao leite picado, 1 lata de leite condensado e 1 ovo e misture bem
  6. Coloque esta mistura na fôrma com a massa e leve ao
  7. forno pré-aquecido a 180 graus por +/25 minutos
  8. Desenforme frio, polvilhe açúcar de confeiteiro e sirva.

sábado, 22 de agosto de 2009

Morangos

O termo morango deriva do latim moru, que significa amora. Muito comum nesta época do ano, esta deliciosa e suculenta fruta, traz em sua beleza natural muitas propriedades nutricionais.

No Brasil, o estado de São Paulo é o maior produtor da fruta, muito apreciada em sua forma natural ou compondo outras preparações, especialmente na confeitaria.

Sua safra vai de julho a outubro, período em que a fruta tem melhor qualidade, mais sabor e sem dúvida é mais nutritiva!

O morango, quando consumido fresco é uma boa fonte de vitamina C, importante para manutenção e bom funcionamento do sistema imunológico e considerada uma vitamina antioxidante.

Assim como o tomate e a melancia, também é uma boa fonte de licopeno, pigmento de cor vermelha presente especialmente nas frutas mais maduras, cujo consumo regular está relacionado a diminuição do risco de câncer de próstata.

Os benefícios do morango não se restringem apenas à presença do licopeno e da vitamina C. A fruta contém também vitaminas do complexo B e sais minerais como fósforo, cálcio e ferro e tudo isso com poucas calorias. Mas fique atento: apesar de conter cálcio e ferro, o morango não pode ser considerado fonte destes nutrientes uma vez que não estão presentes em grandes quantidades como no leite e seus derivados, no caso do cálcio, e nas carnes, como no caso do ferro, e estes nutrientes nos vegetais são menos aproveitados pelo organismo devido à sua baixa biodisponibilidade.

Uma porção de morango de aproximadamente 100 gramas contém apenas 30 kcal e 1,7 gramas de fibras, e por este motivo, a fruta deve como todas as outras frutas, fazer parte de uma alimentação variada e saudável.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Iogurte Caseiro

O iogurte é rico em vitaminas, proteínas, minerais e é um alimento vivo. O iogurte é um alimento extremamente saudável, pois é natural e quando ingerido com frutas picadas e cereais integrais se torna ainda mias benéfico à saúde do nosso organismo. Ele possui bactérias vivas, as quais estimulam o crescimento, equilibram a flora intestinal, reduzem o teor de lactose e protegem a parede do intestino. Depois de ingerir essas bactérias elas vão se reproduzindo em nosso organismo e com isso inibem o aparecimento das bactérias que fazem mal ao nosso corpo e causam infecções intestinais. O iogurte é um alimento com elevada quantidade nutricional, pois possui uma diversidade e quantidade de nutrientes. O ideal é ingerir tanto o iogurte quanto o leite fermentado pelo menos duas vezes ao dia para crianças, e três vezes ao dia para adultos. A diferença entre o leite fermentado e o iogurte é apenas o processo de fabricação. Saiba que o melhor iogurte não é aquele comprado em supermercado e sim aquele que fazemos em casa e todo dia colocamos um copo de leite para aumentá-lo, pois as bactérias também aumentam. O leite fermentado é rico em proteínas, cálcio e vitamina B e ajuda a purificar o organismo e manter o bom funcionamento do mesmo. Há centenas de produtos que são considerados lácteos no mercado, mas devemos tomar muita atenção, pois alguns possuem mais gordura do que bactérias boas para o nosso organismo. Podem ser consumidos normalmente, porém com moderação já que não são tão saudáveis quanto os produtos caseiros. O ideal é que quando as crianças cheguem à idade de seis meses de vida inicie a introdução de iogurtes na alimentação, pois auxiliam no crescimento e ajudam na formação dos ossos e dentes, acompanhando assim a vida toda do indivíduo, como um alimento pró-biótico! São muito indicados também na prevenção e tratamento de diarréias , pois ajudam no equilíbrio da flora intestinal. Trata-se de um alimento vivo e muito bom para a saúde em todas as idades! O essencial é deixá-lo sempre dentro da geladeira e só tirar quando for logo ingerido.

Ingredientes

1 litro de leite morno ( não pode ferver)
3 colheres (sopa) de leite em pó
1 pote de iogurte natural

Modo de preparo


Misturar:
O leite morno, o leite em pó e o iogurte até ficar bem homogêneo.
Coloque em uma vasilha de vidro com tampa, em local livre de corrente de ar (pode ser na estufa do forno), por 8 horas.
Adoce a gosto e sirva gelado.

Agora se vocês me dão licença, vou saborear o meu...
Com morangos, claro!
Alguém tá servido?

Torta de Ricota com Geléia de Morango

Leite condensado, ricota e morangos... huummmm
Só faltou a música do Skanke para acompanhar!

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Espaguete Mediterrâneo


INGREDIENTES

1 berinjela média com casca, cortada em cubos médios (com cerca de 2cm) (220g)
Sal a gosto
2 colheres (sopa) de azeite
1 lata de filé de atum em azeite de oliva com alho
1 cebola média cortada em gomos finos
2 tomates, sem pele e sem sementes, cortados em cubos médios (160g)
Manjericão fresco rasgado a gosto
200g de macarrão tipo espaguete

MODO DE PREPARO

Distribua a berinjela numa peneira e salpique sal. Deixe descansando por cerca de 1 hora. Com o auxílio de papel toalha, seque a berinjela.
Numa frigideira grande antiaderente, aqueça metade do azeite e frite metade da quantidade de berinjela até começar a dourar, mexendo de vez em quando. Repita o mesmo procedimento com o restante do azeite e da berinjela. Reserve.
Na mesma frigideira, aqueça o azeite do filé de atum e doure aí a cebola. Acrescente os tomates e continue refogando até começarem a murchar. Junte a berinjela reservada e tempere com sal, pimenta do reino e manjericão a gosto. Reserve. Cozinhe o espaguete conforme recomendação da embalagem. Escorra a massa e despeje sobre o refogado de legumes. Junte o atum e misture. Sirva em seguida.

Dicas: Os legumes devem ficar inteiros e macios.
A berinjela temperada com sal deve descansar na peneira, para que o sal retire do legume o excesso de água.

Variação: Acrescente alcaparra ao refogado.

RENDIMENTO

3 a 4 porções

Gomes da Costa

Conserva de Pimenta

Depois de tanto exaltar os benefícios da pimenta, nada mais justo que saber conservá-la, não é mesmo?

Bolo de Tapioca


A tapioca é feita com a goma da mandioca amarga. É que existem algumas variedades de mandioca. As mais utilizadas na culinária são a doce, que conhecemos com o nome de macaxeira ou aipim, e a amarga, que serve para fazer a goma de tapioca e a farinha. Ambas têm desde sempre lugar importante no paladar e na alimentação de grande parte dos brasileiros, especialmente nas regiões Norte e Nordeste. As mil e uma utilidades da mandioca foram parar até no nome científico que ganhou, no século 18: "Manihot Utilissima". Os colonizadores portugueses, claro, aderiram. E há quem diga, inclusive, que a colonização só foi possível graças a ela, pois supriu nossos colonizadores de algo tão básico quanto um pão, diz o antropólogo Rui Murrieta, da Universidade de São Paulo.


quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Frango com Quiabo


Quiabo
Fruto do Quiabeiro, o quiabo, também conhecido como Okra, Quimbombó, Kingombo, Gombo, Ají turco o Lady’s fingers (dedos de dama), é cultivado na África, Ásia e nas Américas.

A presença do quiabo compõe pratos brasileiros tipicamente regionais. No nordeste o Caruru – quiabo cozido com camarão seco - é o prato principal na homenagem dos baianos aos Santos Meninos (São Cosme e São Damião). Já em Minas Gerais, Frango com Quiabo e Refogado de Carne com Quiabo são tradições da culinária local.

De seus valores nutritivos podemos destacar que tem pouquíssimas calorias, é rico em fibras e vitaminas do grupo A, B e C, além de carboidratos, potássio e cálcio. É bastante apropriado para proteção da mucosa digestiva e a água do cozido é utilizada para melhorar certas disfunções gástricas e de garganta.

Frango com Quiabo

Ingredientes:

1,5 kg de peito e coxas de frango
Suco de limão
1kg de quiabos médios (buscar que sejam todos de cor verde uniforme)
Óleo
2 cebolas medias
2 dentes de alho picados
1 tomate vermelho sem pele e sem semente
ou 2 colheres de extrato de tomate
300ml de água
Sal
Pimenta do reino

Modo de Preparo:

Retirar a pele, lavar e temperar com suco de limão o frango. Reservar por 30 minutos. Lavar e secar bem o quiabo. Numa panela (ou cumbuca mineira de barro) refogar o quiabo cortado em rodelas em 1 colher de óleo até que não se veja mais a baba, cuidado para não queimar o quiabo. Retire e reserve. Na mesma panela ou em outra, doure o frango em duas colheres de óleo. Acrescente as cebolas e o alho picado e deixar dourar. Junte o tomate ou o extrato de tomate e deixar refogar. Adicionar a água (ou até cobrir todo o frango) e deixar ferver em fogo médio por uns quinze minutos. Corrigir sal e pimenta do reino a gosto. Acrescente o quiabo reservado e deixe cozinhar por mais cinco minutos. Deixar descansar um pouco antes de servir. Uma boa cozinha mineira serviria com o típico angú, ou polenta cozida.

Rendimento: 6 porções

Mais Pimenta!


Quem coloca a pimenta no dia-dia está levando, além de tempero, uma série de medicamentos naturais: analgésico, antiinflamatório, xarope, vitaminas – benefícios que os povos primitivos descobriram há milhares de anos que agora estão sendo comprovados pela ciência. Uma pesquisa recém-concluída na Faculdade de Nutrição da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) comprovou que a pimenta diminui o risco de doenças cardiovasculares, maior causa de mortes no Brasil.

A pimenta contém a capsaicina, o princípio ativo da pimenta, que dá a ela o gosto ardido, que faz com que a pimenta seja benéfica à saúde. A capsaicina atua em várias áreas do corpo: alivia dores de cabeça, controla os níveis de glicose no sangue, aumenta a capacidade pulmonar e ajuda no tratamento da rinite alérgica. Cientistas do Cedars-Senai Medical Center, nos Estados Unidos, divulgaram pesquisa que confirma os poderes da pimenta no combate ao câncer de próstata.

A pimenta tem até 6 vezes mais vitamina C que a laranja, o que a torna um forte antioxidante no combate ao radicais livres. Também contem licopeno, que protege as artérias e a próstata, fonte de betacaroteno. Ela pode ser aliada das dietas. Neste caso a capsaicina participa com o aparelho digestivo do processo de quebra dos nutrientes dos alimentos, fazendo com que ele trabalhe duro, gaste energia e, desta maneira consuma mais e mais calorias.
Ainda falta determinar quanto é necessário consumir para que a pimenta traga todos esses benefícios. O que se sabe é que o brasileiro come muito pouco. Na Tailândia, por exemplo, ela é a estrela das receitas simples e sofisticadas. Lá, o consumo chega a dez gramas por dia. No Brasil, não passa de meio grama por pessoa. Mesmo assim, ela deve ser consumida com cautela por pessoas mais sensíveis, com tendência a problemas de gastrite, úlcera e azia, pois pode piorar a sensação dos sintomas. Confira algumas receitas para o uso da pimenta.

Geléia de pimenta-cumari e melão

Ingredientes
1 quilo de polpa de melão tipo pele de sapo
5 colheres (sopa) de pimenta-cumari fresca
5 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 xícara (chá) de açúcar

Modo de preparo
Depois de bater todos os ingredientes no liquidificador, coloque-os numa panela, leve ao fogo e cozinhe por 35 minutos ou até encorpar, mexendo de vez em quando. A geléia deve ser guardada na geladeira, em vidro previamente esterilizado. Ideal para carne assada.

Conserva de Pimenta

Ingredientes
Para 1 litro:

600g de pimentas de sua escolha - de vários tipos
250ml de aguardente ou vinagre
1 colher (sopa-rasa) de sal
100ml de azeite

Opções de especiarias ou tempero para pimenta em conserva:

Alecrim, cebola, pimentão, alho, folhas de louro, lascas de canela, ceboletes, pimenta da Jamaica ou qualquer outro tempero ou especiaria de sua preferência.

Processo caseiro de esterilização
Numa panela grande e alta, cubra o fundo com pano de prato, coloque os vidros afastados e distante das bordas encha de água filtrada e leve ao fogo. Quando levantar fervura abaixe o fogo, tampe a panela e deixe esterilizar por 10 minutos após coloque a tampa e deixe por mais 5 minutos. Desligue o fogo, espere esfriar e retire da água.

Montagem
Nos vidros esterilizados, coloque a pimenta de sua escolha com o vinagre ou a aguardente, o sal, o azeite, com os temperos ou especiarias que desejar. Tampe e use após 15 dias.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Pimenta é tudo de bom!


Navegando pela net , aportei no blog:
"Receitas de Todos os dias"!
E achei uma postagem ótima que fala sobre pimentas,
não resisti e aí está...

Eu adoro um toque de pimenta em meus pratos, as vêzes exagero um pouco.

Uma moqueca, um tutu de feijão por exemplo ficam uma delícia bem apimentados.

Todas as pimentas são do gênero capsicum e contém a substância capsaicina responsavel pelo sabor picante das pimentas.
Seu nome vem do grego “Kapto” que significa morder, picar e sua origem é o “NOVO MUNDO” . Suas sementes são espalhadas por pássaros, e as tribos indígenas costumavam espalha-las pela canoa para espantar maus espíritos.

Cada pimenta tem um sabor peculiar e nem todas são ardidas, existindo entre elas uma classsificação que determina o grau de ardume provocado pelos capsaicinóides.
As pimentas, além de realçar o sabor dos alimentos, tém várias funções à saúde: tem baixa taxa de sódio, muito poucas calorias e sao livres de colesterol. Armazenam potássio (privinindo de derrame) e estoquies de antioxidantes betacaroteno, vitaminas A, E, e C ( o dobro das frutas cítricas) e ácido folico, todos agentes anticancerígenos. Além disso atua como vasodilatador previnindo contra o enfarto, é descongestionante nasal e alivia o processo de sinusite.

Segundo pesquisadores da Universidade de Suex na Inglaterra, as pimentas comumente consumidas frescas, são eficazes medicamento do câncer e durante a quimioterapia, para facilitar o paciente na deglutição dos alimentos e alivio nas dores de garganta. Seundo Ninan Mathewa, da Escola de medicina da Univercidade do texas, o crème da capsaicina é um dos poucos remédios que efetivamente neutralizam os sintomas da enxaqueca.
No caso de estômago, descobriu-se que por estimular a liberação de sucos digestivos, a capisaicina protégé a mucosa contra danos provocado por ácidos e àlcool e, para quem nao sabia, a adição da pimenta à comida estimula a salivação, neutraliza os ácidos e limpa os dentes garantindo engivas fortes e sadias.

Pimentas:
grau de Ardume(1= fraco/10= forte)


Cayena (5)
Comari (6)
Comari do Pará (6)
De cheiro (5)
Habanero (10)
Jalapeños (6)
Malagueta (6)
Murupi (8)
Scotch Bonnet (9)
Tabasco (6)
Vermelha (4)
Ardencia no regaço (6)
Blend de pimentas (6)
Pimentas de cugritá (8)

PORTANTO SE NAO HOUVER
CONTRA-INDICAÇAO MÉDICA:

“ADOTE AS ARDIDINHAS”.

Fonte:Companhia das Ervas

Bom dia!

Pessoas queridas,
amigas daqui, de lá e de acolá...
Desculpem-me as mudanças constantes no blog!
Estou tentando melhorar...
Agradeço ao carinho e a todos que tem nos visitado...
Beijokonas e fiquem com Deus!
Carlucha

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Torta Trançada



Docinho na xícara


Ingredientes

Beijinho
1 lata de leite condensado 1 gema meia xícara (chá) de coco ralado 1 colher (sopa) de manteiga

Bicho de pé
½ folha de gelatina vermelha sem sabor 3 colheres (sopa) de água 1 lata de leite condensado 1 colher (sopa) de manteiga

Sorvete
10 bolas grandes de sorvete de coco com chocolate

Para enfeitar
3 pacotes de confete

Modo de preparo

Beijinho
Em uma panela, misture o leite condensado, a gema, o coco ralado e a manteiga. Cozinhe em fogo médio, mexendo sempre, até ferver e desgrudar do fundo da panela. Despeje em uma tigela e reserve até esfriar.

Bicho de pé
Em uma panela, coloque a folha da gelatina picada e a água. Leve ao fogo baixo até a gelatina derreter. Junte o leite condensado e a manteiga. Cozinhe em fogo médio, mexendo sempre, até ferver e desgrudar do fundo da panela. Despeje em uma tigela e reserve até esfriar.

Sorvete
Coloque 1 bola de sorvete no fundo de 1 xícara (chá), nivele com o auxílio das costas de uma colher. Repita o processo com o restante do sorvete em 9 xícaras (chá). Leve ao freezer por 1 hora. No momento de servir, cubra o sorvete com o beijinho ou com o bicho de pé. Cubra com o confete e sirva em seguida.

sábado, 15 de agosto de 2009

Prêmio MasterBlog

Palavras amáveis e reconhecimento é sempre bom...
Nos dá novo ânimo e novas foças para continuar e melhorar.
No blog " Aventurinhando" da Cris, a gente encontra isso
e ainda se delícia com manjares como Brigadeirão e Pizza.
Quem consegue resistir?

Obrigada Cris pelo prêmio
e por nos encantar com seu bom gosto!

O recebimento do selo inclui as seguintes regras:

1. Postar o selo (se quiser).
2. Colocar no seu post o nome do blog que te indicou ao prêmio.
3. Escrever uma mensagem de agradecimento ao blogueiro que te indicou.
4. Abaixo do selo descrever 5 características suas.
5. Indicar o prêmio a 5 ou mais blogs para receber o selo

Como eu indiquei mais de dez blogs no Carlucha's
creio que posso dispensar os 5 daqui...

Agora...
acho que eu posso escrever mais algumas
características minhas...
  1. curiosa
  2. perspicaz
  3. leal
  4. brincalhona
  5. chorona

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Receitas com Ovomaltine - doces rápidos

Smoothie
Ingredientes
100 g de morangos*
200 g de iogurte natural
30 g de açúcar
50 ml de leite
4-5 cubos de gelo
70 g de Ovomaltine

Modo de Preparo
Bata no liquidificador os morangos com o iogurte, o açúcar, o leite e os cubos de gelo. Coloque em um copo, misture delicadamente o achocolatado.


Crumble de Manga

Ingredientes
300 g de manga* em cubos
20 g de açúcar
40 g de manteiga sem sal
20 g de farinha de trigo
70 g de Ovomaltine

Modo de Preparo

Distribua cubos de manga em tigelas refratárias. Polvilhe a manga com um pouco de açúcar. Em uma vasilha misture a manteiga, a farinha e o Ovomaltine formando uma farofa. Distribua um pouco de farofa sobre a manga. Leve ao forno pré-aquecido (180ºC) por 5 minutos.


Bolo de Maçã
Ingredientes:
2 maçãs* em cubos (reservar as cascas)
(380 g)

200 ml de óleo

3 ovos (150 g)

240 g de farinha de trigo
180 g de açúcar

140 g de Ovomaltine
15 g de fermento em pó

Modo de Preparo
Bata no liquidificador as cascas das maçãs com o óleo e os ovos até obter um creme. Reserve. Peneire a farinha de trigo e o açúcar. Junte o Ovomaltine, o fermento e as maçãs em cubos. Acrescente à mistura batida, mexendo delicadamente. Coloque em uma forma média de furo central (24 cm de diâmetro) untada e enfarinhada. Leve ao forno médio pré-aquecido (180ºC) por 25-30 minutos. Se preferir, sirva com a calda para muffin.



Torta de Banana e Chocolate

Ingredientes
2 colheres (sopa) de manteiga à temperatura ambiente 3 colheres (sopa) de açúcar
1/2 xícara (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de Ovomaltine (100 g)
6 bananas maduras do tipo nanica
Açucar de confeiteiro


Modo de Preparo

Junte a manteiga, o açúcar, a farinha e o Ovomaltine, formando uma farofa bem solta. Numa forma refratária coloque as bananas cortadas em rodelas e cubra com a farofa. Leve ao forno em temperatura média (180º) por cerca de 15 minutos, até formar uma crosta crocante. Retire do forno e polvilhe com açúcar de confeiteiro.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Bolo de Geladeira

INGREDIENTES

150g de chocolate ao leite picado
150g de chocolate meio amargo picado
50g de glucose de milho
100g de manteiga sem sal
250g de biscoito doce (sem recheio) quebrado em pedaços pequenos
60g de amêndoas picadas
60g de cerejas picadas
chantilly e cerejas para decorar

MODO DE PREPARO

Numa panela coloque 150 g de chocolate ao leite picado, 150 g de chocolate meio amargo picado, 50 g de glucose de milho, 100 g de manteiga sem sal e leve ao fogo em banho-maria mexendo de vez em quando até que os chocolates derretam (+/- 5 minutos). Retire do fogo e adicione 250 g de biscoito doce (sem recheio) quebrado em pedaços pequenos, 60 g de amêndoas picadas e 60 g de cerejas picadas. Misture tudo com as mãos.
Pegue uma pequena porção da massa e coloque dentro de uma forminha de fundo falso (com 6,5 diâmetro). Preencha toda a forminha com a massa. Com os dedos faça uma depressão na superfície da massa formando um copinho de fundo grosso (com +/- 3 cm de fundo). Repita esta operação com a massa até que termine. Leve para a geladeira por +/- 15 minutos. Desenforme e enfeite a superfície dos bolinhos com chantilly e cereja e sirva em seguida.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Chocolate de Vitrine


Ingredientes:
- 50 g de manteiga
- 100 g de açúcar
- 1 colher (sopa cheia) de cacau em pó
- 4 colheres (sopa) de leite em pó
- 1 colher (chá) de essência de baunilha

-100 g de amêndoas em lâminas e torradas
- 50 g de cerejas picadas
- 100 g de nozes picadas
- 50 g de castanha de caju picada
- 50 g de damasco picado
- 50 g de passas pretas
(reserve um pouco de cada fruta seca inteira para
decoração)

- 100 g de manteiga
- 100 g de açúcar
- Meia xícara (chá) de creme de leite fresco
- 2 colheres (sopa) de licor de laranja
- 1 pacote de gelatina em pó sem sabor hidratada e
dissolvida conforme o fabricante

Modo de Preparo

1- Numa tigela coloque 50 g de manteiga, 100 g de açúcar, 1
colher (sopa cheia) de cacau em pó, 4 colheres (sopa) de leite
em pó e 1 colher (chá) de essência de baunilha. Misture bem até
obter uma farofa. Distribua a farofa em 10 forminhas de fundo
falso (6 cm de diâmetro), pressionando bem com os dedos para
compactar bem a massa. Reserve.

2- Numa tigela misture 100 g de amêndoas em lâminas e torradas,
50 g de cerejas picadas, 100 g de nozes picadas, 50 g de castanha
de caju picada, 50 g de damasco picado, 50 g de passas pretas.
Distribua nas forminhas (que já estão com a massa de chocolate) e
depois coloque um pouco de cada fruta inteira (a seu gosto) por
cima das frutas picadas para dar acabamento.

DICA: Reserve um pouco de cada fruta seca inteira para decoração

3- Numa panela coloque 100 g de manteiga, 100 g de açúcar e o
creme de leite fresco e leve ao fogo brando, mexendo sempre, até
dissolver o açúcar. Acrescente 2 colheres (sopa) de licor de
laranja e 1 pacote de gelatina em pó sem sabor hidratada e
dissolvida conforme o fabricante. Com auxilio de uma colher
distribua este creme em cima das frutas secas até chegar na borda
da forminha. Leve para geladeira por 1 hora e meia.
Desenforme e sirva.

Receita Mais Você Receita Mais Você

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Batata ao forno com ricota

Ingredientes:

500g de batata-inglesa
Salsa e cebolinha a gosto
1 colher (sopa) de azeite
2 cebolas pequenas
1/2 xícara de azeitonas verdes picadas
1/4 de xícara de azeitonas pretas picadas
200g de ricota
1 ovo
sal a gosto

Modo de fazer:

Lave bem as batatas e cozinhe-as com casca (só até amolecer). Descasque-as e corte-as em fatias. Acrescente os demais ingredientes e mexa levemente. Despeje numa forma untada com um pouco de óleo e, por cima, esparrame o ovo batido. Leve ao forno para dourar.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Bolinhos de Chocolate


Ingredientes:
100g de chocolate amargo (70% cacao)
60g manteiga picada em pedaços
65g açúcar
60ml licor Frangélico
1 gema
55g farinha de trigo com fermento
20g chocolate em pó amargo, peneirado

Ingredientes da ganache:
65g açúcar
½ colher chá suco de limão
40ml água
150ml creme de leite fresco
200g chocolate ao leite, picado em pedacinhos

Preparo:
Coloque o chocolate, manteiga, açúcar e Frangélico numa panelinha e leve ao fogo baixo mexendo sempre até que a mistura fique homogênea. Retire do fogo e deixe esfriar levemente. Jogue a gema dentro e mexa bem. Depois vá acrescentando a farinha e o chocolate em pó aos pouquinhos, mexendo sempre. Divida a mistura igualmente pelas forminhas e leve ao forno por uns 12-15 minutos, só o tempo suficiente para que firme. Deixe esfriar na assadeira por uns 10 minutos, depois transfira para uma grelha para esfriar completamente.

Preparo do ganache:
Coloque o açúcar, suco de limão e água numa panelinha e leve ao fogo médio mexendo até o açúcar se dissolver. Depois deixe no fogo sem mexer por uns 3-4 minutos, até ficar com um caramelo. Retire do fogo, vá derramando o creme de leite aos poucos mexendo com um fouet para não talhar. Depois coloque o chocolate e leve de volta ao fogo mexendo sem parar até ficar homogêneo. Retire do fogo, deixe esfriar. Você pode deixar no fogo até ficar mais grosso para cobrir o bolinho com um saco de confeiteiro. Se preferir um pouco mais mole, so espalhe por cima com uma espátula e deixe endurecer.

domingo, 2 de agosto de 2009

Biomassa

Biomassa de banana verde

• 4 bananas-nanicas verdes


Modo de fazer
Coloque as bananas com a casca numa panela de pressão e cubra com água. Cozinhe por 15 minutos e escorra. Retire a casca e amasse (ou passe no processador) a polpa ainda quente até formar um purê. Guarde na geladeira (dura quatro dias) e use aos poucos – no mingau de aveia, na sopa ou misturado a outro alimento quente (assim, o sabor fica mais agradável).

Rende: 16 colheres (sopa)
Calorias por colher: 23